Kambaku

Icon podcast

Moçambique prepara ‘passagem turística’ na Área de Conservação do Grande Limpopo

Abr 13, 2022

Os Ministros dos países que compõem a Área de Conservação Transfronteiriça do Grande Limpopo (ACTGL) reuniram-se esta semana e discutiram questões de conservação transfronteiriça e o possível estabelecimento do que chamaram de “Passagem Turística do Limpopo”.

Realizada de forma virtual e coincidindo com o 20º aniversário do estabelecimento da ACTGL, a reunião contou com a presença do Ministros do Ambiente do Zimbabué, Nqobizitha Mangaliso Ndlovu, Moçambique,  Fernando Bemane de Sousa, e o  vice-ministro do Ambiente da África do Sul, Makhotso Magdeline Sotyu.

Em comunicado conjunto o comité interministerial disse que a Passagem Turística do Limpopo será implementada após um processo de consulta minucioso às partes interessadas envolvendo as respectivas autoridades de imigração dos três países.

“Os ministros observaram com interesse o progresso significativo que inclui o desenvolvimento de três Comités Conjuntos de Gestão de Parques, cinco Grupos de Trabalho Técnicos Temáticos Consultivos e o estabelecimento de um Fórum de Parceiros da ACTGL. Os ministros também notaram um progresso significativo no desenvolvimento de um secretariado do ACTGL e uma estratégia de finanças sustentáveis”, lê-se no comunicado da ACTGL.

“O GLTFCA agora também está a embarcar no alinhamento da prestação de serviços de ecossistema da área protegida no contexto de gestão de recursos hídricos transfronteiriços para maior segurança hídrica, adaptação e benefícios de subsistência nos nossos sistemas fluviais partilhados.

“Os ministros também reconheceram os grandes avanços feitos na melhoria da segurança e protecção da vida selvagem dentro da ACTGL através do desenvolvimento de planos de segurança conjunta e o desenvolvimento de um Quadro Estratégico de Turismo Transfronteiriço que se destina a orientar e coordenar o desenvolvimento de um turismo sustentável, turismo de fronteira e para facilitar o desenvolvimento do turismo, promoção de investimentos e crescimento na região ACTGL”, acrescentou o comunicado.

Os ministros também concordaram com um programa de translocação de vida selvagem em várias áreas de conservação.

Foto: wildsafariguide.com

NEWSLETTER DO MUNDO NATURAL

Subscreva a nossa newsletter e receba notícias do mundo natural.