Kambaku

Icon podcast

Reserva Especial do Niassa avança com segunda fase de levantamento de grandes carnívoros

Out 5, 2023 |

A Reserva Especial do Niassa está a avançar com a segunda fase de um amplo levantamento de grandes carnívoros. Para isso foi realizada uma extensa pesquisa noturna para leões e hienas em 174 estações de chamada, contando com a participação dedicada de uma equipa conjunta de conservacionistas moçambicanos.

De acordo com o Niassa Lion Project, a equipa concluiu, também, a instalação de duas grades de câmaras para leopardos ao longo do Rio Ruvuma, somando-se às seis já instaladas ao longo do Rio Lugenda. No próximo mês, as equipas avançarão para outras técnicas de pesquisa, incluindo a recolha de amostras, pegadas e fezes.

Este rastreamento é uma parceria que junta a Reserva Especial do Niassa, a Administração Nacional das Áreas de Conservação, o Niassa Lion Project Lion Recovery Fund, a Mozambique Wildlife Alliance, a Wildlife Conservation Society Moçambique, a Lugenda Wildlife Reserve, a Chuilexi Conservancy e a comunidade local.

Nas próximas três semanas, será testada uma pesquisa de fezes e pegadas de leões numa área de 58.000 hectares. O objectivo é avaliar se as fezes de leão podem ser utilizadas para identificação individual, combinando conhecimento local com técnicas modernas de identificação genética.

No próximo ano, todos estes dados serão consolidados para entender as tendências e a distribuição dos grandes carnívoros na Reserva do Niassa. A equipa planeia, em conjunto com parceiros, desenvolver um plano de monitoramento de longo prazo que seja rigoroso, inclusivo e integrado ao trabalho contínuo, visando obter dados essenciais para uma gestão eficaz da conservação.

Foto: Niassa Lion Project

NEWSLETTER DO MUNDO NATURAL

Subscreva a nossa newsletter e receba notícias do mundo natural.