Kambaku

Icon podcast

Tubarões em risco de extinção buscam refúgio em Santa Maria

Mai 29 de maio de 2023

A costa sudeste de África é lar de um predador ameaçado de extinção, o tubarão-mangona ou spotted ragged-tooth, em inglês. Com um papel vital no ecossistema marinho, a espécie está à beira de desaparecer devido a perda de habitat, pesca excessiva, e baixa taxa reprodutiva.

Um dos mais importantes santuários destes tubarões é Santa Maria, recife protegido localizado nos limites do Parque Nacional de Maputo. Co-gerido pela Peace Parks Foundation e pela Administração Nacional das Áreas de Conservação (ANAC), este local que se situa entre o fim da baía de Maputo e a Ilha da Inhaca é uma autêntica linha de vida para a sobrevivência desta espécie em risco crítico de extinção.

Num recente encontro registado em filme, o Dr. Ryan Daly, um conceituado biólogo marinho sul africano, captou um grupo de 15 fêmeas adultas em Santa Maria.

A importância deste encontro foi ampliada pelo fato de que a maioria das fêmeas estava grávida, o que é um importante sinal de esperança para a sobrevivência da espécie.

Num vídeo feito por Daly, partilhado pela Peace Parks Foundation, pode ver-se, inclusivamente, a imagem da barriga de um destes tubarões em que se confirma que uma fêmea está grávida pelos movimentos pouco habituais na barriga (ver o vídeo aqui).

As águas quentes de Moçambique são um local crucial de gestação para os tubarões-mangona durante os primeiros tempos de gravidez. O recife de Santa Maria, com sua rica biodiversidade e abundância de presas, oferece um refúgio seguro para esta fase da gestação deste grupo de tubarões.

Foto: wiki2.org

NEWSLETTER DO MUNDO NATURAL

Subscreva a nossa newsletter e receba notícias do mundo natural.